Blog do Paulus: Parte 6 - Solucionando Problemas na Venda e Adaptação de Óculos

Parte 6 - Solucionando Problemas na Venda e Adaptação de Óculos

Matéria escrita por Paulus Maciel. Direitos Reservados.

Essa sexta parte da série de matérias sobre solução de problemas na venda e adaptação de óculos vai tratar sobre alteração da nitidez na visão de perto. Esse sintoma é percebido na maioria das vezes por usuários de lentes multifocais progressivas.

Trata-se de uma matéria curtinha, porém muito útil para o nosso dia a dia.

As principais razões para um usuário se queixar de alteração de nitidez na visão de perto são:

  • Montagem fora do alinhamento.
  • Confecção das dioptrias.
  • Refração inadequada.
O eixo do astigmatismo prescrito na receita do usuário de multifocal é confeccionado na surfassagem e não ao girar a lente antes da montagem, portanto a linha de montagem desse tipo de lente deve ser horizontal e bem alinhada. Ao montar, o técnico pode errar no momento da blocagem do multifocal e a lente pode ser colocada sem o alinhamento correto na facetadora. A consequência de um multifocal montado girado, portanto não alinhado, é modificar o eixo da dioptria cilíndrica solicitada na ordem de serviço, o que implica em alteração de nitidez tanto na visão de longe como também na visão de perto.

Para saber se a linha de montagem do multifocal está correta, basta remarcar a lente e conferir o alinhamento no gabarito. Para mais informações sobre remarcação de lentes multifocais, clique AQUI.

A má confecção da dioptria durante o processo de surfassagem também pode influenciar na alteração de nitidez na visão de perto. Recomenda-se remarcar e conferir no lensometro as dioptrias confeccionadas na surfassagem, de preferência faça este procedimento entre 1 e 2 dias antes da entrega dos óculos. Para mais informações sobre como conferir dioptrias em lensometro, clique AQUI.

Caso a montagem do óculos esteja perfeita e a graduação da lente estiver dentro das tolerâncias ópticas previstas, o usuário pode estar utilizando uma adição mais forte ou mais fraca do que ele necessita. 

Existe um teste de profundidade muito simples que pode ser feito na loja para identificar se a dioptria da lente está coerente com a distância padrão de leitura.:
  1. Pegue uma revista (esqueça tabela de leitura) e peça ao seu cliente que leia um trecho.
  2. Mantenha a leitura numa distância entre 35 e 40cm dos olhos do cliente.
  3. Afaste a leitura, fazendo com que o texto fique distante mais que 40cm.
  4. Aproxime a leitura, fazendo com que o texto fique a menos de 35cm.
  5. Pergunte ao cliente se a nitidez melhorou nas situações 2, 3 ou 4.
Se você afastar a leitura dos 40cm e o cliente considerar que a nitidez melhorou, isso pode significar que a adição esteja fraca, mas caso você aproxime a leitura para menos de 35cm e o cliente sentir melhora na nitidez, isso pode significar que a sua adição esteja forte. Em ambos os casos, encaminhe seu cliente ao profissional de refração para checagem da acuidade visual.

Na sétima parte desta série de matérias, vamos abordar a limitação na visão de perto de um usuário de lente multifocal progressiva.

As imagens contidas nesta matéria são meramente ilustrativas.

Se você tem alguma crítica, elogio, sugestão ou opinião a oferecer, por favor, envie um e mail para blogdopaulus@blogdopaulus.com

Você pode também curtir e compartilhar esta matéria com seus amigos através dos plugins das redes sociais, localizados na parte inferior desta postagem.

Licença Creative Commons
Parte 6 - Solucionando Problemas na Venda e Adaptação de Óculos está licenciado sob uma licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

Sessão de Comentários

Atenção!
Comentários enviados por e mail ou redes sociais não serão respondidos!
Favor deixar sua dúvida ou pedido de contato com o autor apenas nesta sessão de comentários do blog.

recomendamos a leitura

Paulus Maciel se reserva no direito de usufruir da liberdade de expressão assegurada pela constituição federal:

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:

IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação independentemente de censura ou licença