Blog do Paulus: Diferenciando os desenhos das lentes multifocais

Diferenciando os desenhos das lentes multifocais

Artigo escrito por Paulus Maciel. Direitos reservados.

Introdução.

Este tema é um dos mais solicitados por profissionais ópticos e consumidores muito exigentes.

Atualmente o mercado brasileiro, sem contar as marcas próprias, possui aproximadamente 360 marcas diferentes de lentes multifocais progressivas, cujos respectivos materiais e tratamentos concedem a essas marcas aproximadamente 9.720 variações de produtos!

Diante deste cenário, por muitas vezes, o profissional óptico acaba perdendo a referência de qual lente multifocal progressiva é a mais adequada para o seu cliente. Isso não ocorre apenas quando falamos sobre "lentes econômicas", mas também nas lentes mais avançadas em termos de tecnologia.

Esta matéria tem como objetivo descrever e citar as vantagens e desvantagens das principais plataformas de design (desenhos) que os fabricantes utilizam para criar suas lentes multifocais progressivas. Desta forma, o profissional óptico poderá acessar seu fornecedor de lentes e obter informações sobre quais produtos "se encaixam" em determinada categoria de desenhos.

Este documento de minha total autoria e responsabilidade será ilustrado por amostragens de topografias extraídas de lentes multifocais surfassadas com a dioptria de longe plana e adição de 2,00, conforme padrão internacional.


Metodologia.

A metodologia é muito simples e consiste em descrever se a plataforma possui ou não variação de desenhos (campos visuais), como essa variação de desenhos é executada na fabricação da lente e quais são as vantagens/desvantagens de cada uma delas.

Após esta descrição, o profissional óptico poderá contar com o auxílio do fabricante em identificar essas plataformas em suas respectivas gamas de produtos.

Topografias a laser dos respectivos designs de produtos com identidade preservada vão servir de exemplos para a compreensão das alterações de uma para outra plataforma.


Entendendo uma Topografia.

Após a surfassagem de uma lente, no nosso caso multifocal, a mesma é colocada num aparelho que faz a leitura a laser da superfície. Após esta leitura, o software do equipamento gera por cima da topografia um mapeamento dos astigmatismos gerados em função da produção da superfície progressiva externa (surfassagem tradicional), interna (free form) ou dupla (double side e s digtal surfacing) e suas interações com as dioptrias confeccionadas para a correção da ametropia do usuário. Desta forma, podemos compreender qual design distribui melhor os astigmatismos para melhor conforto do nosso cliente.

Uma escala de cores, uma para cada variação de potência, auxilia na interpretação da influência dos astigmatismos (aberrações) nas alterações de imagem e também na largura dos corredores de longe, perto e intermediário. 

Agora que entendemos como funciona uma topografia, observe a interpretação de um design na imagem abaixo. Clique com o botão esquerdo do mouse para ampliar a imagem, caso necessário.




Monodesign.

As lentes de plataforma monodesign são encontradas em maioria na categoria de lentes multifocais econômicas, as de menor preço ao consumidor.

As lentes monodesign são produzidas a partir de uma patente vencida, portanto é uma tecnologia que dispensa pagamento de royalties aos seus inventores, daí uma das razões do preço baixo de venda.

Monodesign, o próprio nome diz: "um só desenho". Independente da prescrição e/ou da fisiologia do seu cliente, não existe variação de desenhos que melhore o campo visual, pelo contrário, conforme a adição aumenta os astigmatismos periféricos (aberrações) ficam mais fortes e a visão intermediária cada vez mais restrita.

Vantagens:
  1. Preço muito baixo.
  2. Opção de multifocal para consumidores de baixo poder aquisitivo.
Desvantagens:
  1. Astigmatismos laterais (aberrações) fortes, prejudicando a visão periférica e gerando fortes efeitos de distorção e flutuação ao movimentar a cabeça.
  2. Quanto mais forte for a prescrição, mais restrito será o campo visual devido ao aumento dos astigmatismos periféricos.
  3. Não é indicado para pessoas dinâmicas e ativas pois quanto mais as pessoas se movimentarem mais "enjoativos" são os efeitos de distorção das lentes.
  4. O corredor progressivo é descentrado 2,5mm para o nasal. Caso o usuário tenha uma convergência maior ou menor que 2,5mm, terá um campo de perto extremamente restrito.
  5. Não é indicado para usuários de computador, pois a graduação de visão intermediária é forte e desconfortável devido ao cálculo básico para gerar a progressão da lente.
Em suma, venda uma lente monodesign apenas se o seu cliente comprovadamente não pode pagar, mesmo de forma parcelada, por uma lente melhor. Raramente essas lentes são utilizadas em surfassagem digital, principalmente em free form.


Multi design por grupo de adição.

Pertencem também a categoria de lentes econômicas, porém com uma relação custo x benefício muito melhor do que as monodesigns. Na minha opinião, a lente mais básica deveria partir desta opção e não da anterior. Essa plataforma também é produzida através de patentes vencidas.

A lente multifocal multi design por grupo de adição possui 3 desenhos, um para cada grupo de adição: um para adições pequenas (1,00 a 1,75), um para adições médias (2,00 a 2,75) e o último para adições fortes (3,00 a 3,50).

O índice de adaptação dessas lentes é maior do que as monodesigns pois amenizam um pouco as alterações dos astigmatismos periféricos (aberrações ópticas) conforme o aumento da adição em grupos (pequena, média e alta).

Vantagens:
  1. Preço baixo. Valor R$50,00 a R$100,00 mais alto que a monodesign. 
  2. Opção de multifocal para consumidores de baixo poder aquisitivo, de preferência bem informados pelo balcão da óptica sobre sua utilização/benefícios.
  3. Apresentam uma variedade de maior qualidade nos materiais e tratamentos oferecidos pelo fabricante (antirreflexos, fotossensíveis etc). 
  4. Reduzem, mesmo que de forma tímida, os astigmatismos periféricos (aberrações) que tornam a visão dinâmica mais desconfortável.
Desvantagens:
  1. Astigmatismos ainda são fortes (proporcionalmente) nas adições médias e altas.
  2. A visão intermediária se beneficia pouco da baixa variação de desenhos, portanto ainda não é indicada para quem fica um bom tempo em frente ao computador.
  3. O corredor progressivo é descentrado 2,5mm para o nasal, caso o usuário tenha uma convergência maior ou menor que 2,5mm, terá um campo de perto extremamente restrito. A variação de 3 desenhos não influencia na descentração do corredor, portanto não respeita a fisiologia do usuário de forma plena.
  4. Não possuem performance visual suficiente para agradar um consumidor exigente que precisa economizar nesta compra. (Usuário acostumado com lente mais avançada, porém está descapitalizado para adquirir uma tão boa quanto).
Em suma, uma lente que tem boa relação custo x benefício para consumidores que não podem adquirir uma lente de maior tecnologia, porém foram informados na loja sobre o seu bom investimento perante as lentes monodesign. Essas lentes são encontradas com versões digitais e free form como também nas marcas próprias de algumas ópticas, porém em sua maioria são provenientes de surfassagem tradicional.


Multi design por adição.

Aquela que foi a categoria top de linha das lentes multifocais há certo tempo atrás, agora disponibiliza produtos clássicos com boa adaptação e relação custo x benefício.

Ao invés de oferecer 1 desenho para cada grupo de adição, a lente multi design por adição oferece um desenho diferente a cada 0,25 de adição, isso é, de 1,00 a 3,50 existem 11 adições, portanto a lente terá 11 desenhos. Essa variedade, com quase 4x mais desenhos do que a plataforma anterior, podem ser consideradas suaves e com boa ergonomia.

Vantagens:
  1. Astigmatismos laterais (aberrações ópticas) são bem controladas ao ponto de tornar a lente mais suave e segura para dirigir, descer escadas e atravessar ruas. Tudo isso com maior campo visual e menos distorções laterais.
  2. As 11 variações de desenhos permitem que a progressão de grau tenha uma aceleração mais gradual, fazendo com que a visão intermediária tenha uma dioptria mais suave, agradável e útil em termos de precisão visual a média distância.
  3. Melhor variedade de materiais e tratamentos.
  4. Possuem ótima relação custo x benefício quando confeccionadas no método free form, que torna o campo visual no mínimo 20% mais amplo.
  5. Podem ser usadas regulamente por usuários de computador devido a progressão bem equilibrada, porém não substituem as lentes ocupacionais para quem usa computador por muitas e muitas horas todos os dias.
Desvantagens:
  1. Não são usadas para confeccionar lentes personalizadas, pois não apresentam resultados satisfatórios em termos de customização.
  2. Posicionam bem o campo de perto para a ergonomia do usuário, porém não compensam convergências inferiores ou superiores a 2,5mm. Caso o óptico identifique no pupilometro esta convergência diferenciada, a lente não vai oferecer ótima performance em visão de perto.
Em suma, uma categoria tradicional de lentes suaves com ótima relação custo x benefício, pois agrada uma porção maior de usuários mais ativos e dinâmicos. Essas lentes também são encontradas em grande quantidade, não só com marca de fábrica, mas também como marca própria de muitas redes de ópticas brasileiras.


Multi design por adição ou ametropia/desenho por prescrição.

As lentes multi design por adição e ametropia, também conhecidas por "desenho por prescrição" fazem parte da base de design para a produção das mais avançadas lentes
progressivas, principalmente no âmbito da surfassagem tradicional.

Os estudos sobre a fisiologia do olho humano apontam que a convergência das pessoas aponta uma maior variação nas ametropias mais altas, sendo que hipermetropes convergem mais e os míopes convergem menos.

Conhecendo este estudo, os designs confeccionados nos blocos de curva base mais alta possuem um corredor progressivo com maior descentração, respeitando assim a fisiologia de convergência do hipermetrope. Já  os designs confeccionados nos blocos de curva base mais baixa possuem um corredor progressivo com menor descentração, respeitando assim a fisiologia de convergência do míope.

Para que toda a prescrição seja respeitada, cada bloco com sua respectiva curva base recebe 11 desenhos, 1 para cada 0,25 de adição naquela curva. Se tal lente multifocal tem uma variedade de 5 curvas base, teremos à disposição 55 desenhos diferentes (11x5) para otimizar os campos visuais.

Vantagens:
  1. Astigmatismos laterais (aberrações ópticas) são bem controladas ao ponto de tornar a lente mais suave e segura para dirigir, descer escadas e atravessar ruas. Tudo isso com maior campo visual e menos distorções laterais.
  2. As 55 variações de desenhos permitem que a progressão de grau tenha uma aceleração mais gradual, fazendo com que a visão intermediária tenha uma dioptria mais suave, agradável e útil em termos de precisão visual a média distância.
  3. Melhor variedade de materiais e tratamentos.
  4. Possuem ótima relação custo x benefício quando confeccionadas no método free form, que torna o campo visual no mínimo 20% mais amplo.
  5. Podem ser usadas regulamente por usuários de computador devido a progressão bem equilibrada, porém não substituem as lentes ocupacionais para quem usa computador por muitas e muitas horas todos os dias.
  6. Respeitam a convergência de míopes e hipermetropes.
  7. São ótimas opções para confecção de lentes personalizadas.
Desvantagens:
  1. Possuem um preço mais elevado, porém justificam o investimento.
Em suma, além de proporcionarem as mesmas vantagens das lentes multi design por adição, proporcionam também maior respeito a fisiologia natural do presbita, pois o corredor progressivo vai estar posicionado onde o cliente mais precisa, de acordo com sua ametropia.


Lentes tipo Small, Short e Compact.

Lentes tipo Small, Short, Compact etc, são multifocais para armações pequenas. Atualmente, as alturas mínimas desta categoria de produto vão de 11 a 16mm. 

As lentes "compactas" são fabricadas em maioria através das plataformas:

  1. Multi design por grupo de adição.
  2. Multi design por adição.
  3. Multi design por adição e ametropia/desenho por prescrição.
O que difere o multifocal padrão (altura a partir de 17mm) do compacto (altura de 11 a 16mm) é que o compacto teve seu bloco fabricado com a "progressão mais curta" do que o padrão.

Progressão é a distância vertical em "mm" da cruz de montagem até o início da adição (85% do valor dióptrico da mesma). Multifocais de altura padrão possuem progressões que vão de 12 a 15mm e os multifocais compactos possuem progressões que vão de 8 a 11mm. Essas progressões mais curtas garantem um acesso mais rápido a visão de perto, permitindo assim a montagem das lentes compactas em alturas pequenas.

Vale a pena ressaltar que esta progressão é fabricada no bloco, em sua curvatura externa, por isso o produto recebe o nome de short, small, compact etc. Em lentes multifocais free form esses nomes não são usados, pois as progressões são personalizadas de acordo com a ametropia e altura de montagem e por isso não recebem pontualmente a "definição" small, short, compact e por aí vai.


A influência da surfassagem digital nos desenhos dos multifocais.

Conforme foi explicado na matéria "Entendendo a Surfassagem" , a surfassagem digital clássica não influencia no design, mas os métodos digitais free form, double side e s digital surfacing tem papel fundamental na geração e aprimoramento dos desenhos das lentes multifocais progressivas. A partir de agora vamos entender um pouco mais sobre essas abordagens de desenvolvimento.


Free form - desenhos básicos estão descartados!

Os métodos digitais free form, double side e s digital surfacing descartam o aprimoramento dos monodesigns e multidesigns por grupo de adição. 

Na maior parte das vezes, a base do aprimoramento dos multifocais no método free form são os multidesigns por adição e também adição e ametropia (desenho por prescrição). Os métodos double side e s digital surfacing utilizam como base de aprimoramento o multi designs por adição e ametropia.

Para entender melhor a diferença entre os métodos de surfassagem digital, leia: "Entendendo a Surfassagem".


Multifocal free form padrão

São os multifocais free form mais econômicos, encontrados também nas marcas próprias de algumas redes de ópticas.

O cálculo do multi design por adição ou multidesign por adição e ametropia é executado na curvatura interna de um bloco visão simples, com sua progressão encurtada ou alongada de acordo com a altura de montagem informada na ordem de serviço.

Sem contar argumentações de marketing, o único benefício do multifocal free form padrão em relação a uma lente de mesmo design, porém produzida na surfassagem tradicional é o aumento médio de 20% do campo de visão global, já que este campo visual está mais próximo dos olhos do usuário (desenho produzido na curva interna).


Multifocal free form de corredor variável

Multifocais free form "intermediários", são encontrados também nas marcas próprias de algumas redes de ópticas. Neste caso, oferecidos como "top de linha" da marca própria.

O cálculo do multidesign por adição e ametropia é executado na curvatura interna de um bloco visão simples, com sua progressão encurtada ou alongada de acordo com a altura de montagem informada na ordem de serviço.

Outra informação que precisa constar na ordem de serviço é a DNP de perto, pois o sistema de cálculo irá subtrair a DNP de longe da DNP perto, identificando assim a convergência real do usuário. O corredor progressivo utiliza essa informação para descentrar os milímetros suficientes para proporcionar uma melhor experiência em visão de perto. A variação de descentração do corredor vai de 1 a 5mm. 

Além do aumento médio de 20% do campo de visão global (desenho produzido na curva interna), o multifocal free form de corredor variável proporciona também um campo de perto muito mais amplo do que um desenho por prescrição surfassado pelo método tradicional. Devido a melhor posição do campo de perto, alguns fabricantes anunciam em seus produtos um ganho de visão global de 30 a 40%.

O desenho por prescrição surfassado pelo método tradicional "deduz" pela curva base se o usuário possui uma convergência maior ou menor, porém não só usuários de ametropias mais altas apresentam convergências diferenciadas. A forma de atender melhor 100% deste público é o oferecimento desta tecnologia ou outras acima dela.


Multifocal free form/double side de corredor variável personalizado.

São os multifocais free form ou double side avançados, encontrados em muitos fabricantes e  também como TOP nas marcas próprias de poucas redes de ópticas.

O multifocal free form ou double de corredor variável personalizado além de possuir todos os benefícios do multifocal free form de corredor variável, aumenta significativamente a precisão visual através do aprimoramento da sensibilidade ao contraste das cores. Esta precisão visual é obtida num cálculo diferenciado de surfassagem que leva em consideração não só as informações básicas mas também o ângulo pantoscópico, distância vértice e inclinação frontal da armação. Por isso que o certificado deste tipo de lente vem impresso com uma dioptria "quebradinha" que revela o trabalho de compensação prismática para reproduzir nas lentes a dioptria mais próxima possível do exame optométrico. 

Além do campo de visão global ser 30 a 40% superior, a precisão visual (sensibilidade ao contraste) aumenta entre 30 e 50% se comparadas a desenhos por prescrição surfassados tradicionalmente.


Multifocal free form/double side/s digital surfacing de corredor variável personalizado patenteado.

São os multifocais TOP encontrados nas marcas dos principais fabricantes mundiais de lentes progressivas.

O multifocal de corredor variável personalizado patenteado além de possuir todos os benefícios do multifocal free form de corredor variável personalizado, oferece aos usuários benefícios exclusivos e avançados de aprimoramento do campo visual, precisão visual e ergonomia. 

Cada fabricante tem as suas próprias patentes que oferecem tais benefícios exclusivos. Confira quais são esses benefícios diretamente com o fabricante de sua confiança.

Muita gente acredita que esta categoria de lentes é 100% marketing, blá, blá, blá etc. Posso dar o meu testemunho que as promessas de marketing são 100% cumpridas. Eu garanto isso, principalmente nos dois pares de lentes progressivas personalizadas patenteadas que uso atualmente.

Agradeço seu interesse pela leitura deste artigo técnico.

AJUDE O BLOG A SOBREVIVER. USE O PAY PAL E DOE R$10,00 COM SEU CARTÃO DE CRÉDITO. CLIQUE NO BOTÃO ABAIXO PARA FAZER A SUA DOAÇÃO SEGURA.

 

Licença Creative Commons
Diferenciando os desenhos das lentes multifocais está licenciado sob uma licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

Sessão de Comentários

Atenção!
Comentários enviados por e mail ou redes sociais não serão respondidos!
Favor deixar sua dúvida ou pedido de contato com o autor apenas nesta sessão de comentários do blog.

recomendamos a leitura

Paulus Maciel se reserva no direito de usufruir da liberdade de expressão assegurada pela constituição federal:

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:

IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação independentemente de censura ou licença