Blog do Paulus: Parte 10 - Solucionando Problemas na Venda e Adaptação de Óculos

Parte 10 - Solucionando Problemas na Venda e Adaptação de Óculos

Matéria escrita por Paulus Maciel. Direitos reservados.

Nesta décima parte da série de matérias sobre solução de problemas na venda e adaptação de óculos, vamos falar sobre reclamação polêmica: lentes que riscam com facilidade.

De acordo com minhas experiências práticas em análise de lentes e atendimento ao consumidor, as principais causas para a queixa sobre lentes que riscam com facilidade são:
  1. Mal uso na utilização, limpeza ou armazenamento.
  2. Ausência da tecnologia protetora.
  3. Baixa performance da tecnologia protetora.
A questão mais polêmica se refere ao mal uso na utilização/limpeza ou armazenamento, pois dificilmente o cliente "irá confessar" o mal uso, o que acarreta na negociação da garantia entre a loja e o fabricante da lente.

Posso citar que a situação que mais provoca riscos nas lentes é o óculos fora do estojo, quando não utilizado. O simples ato de não guardar o óculos no estojo ocasiona:
  • Lentes em atrito com superfícies diversas devido ao óculos estar virado para baixo.
  • Pequenas quedas, onde as superfícies das lentes tocam o solo.
  • Transportar o óculos na mão pode fazer com que a peça se choque contra outras superfícies.
  • Transportar o óculos dentro de bolsa, porta luvas de carro ou mochilas.
 Quando o óculos está no rosto do cliente, dificilmente a lente riscará, com exceção de quedas ou se o cliente coçar os olhos sem tirar o óculos, pois pode haver o contato da unha com a face interna da lente. Já presenciei vários casos reais nessas situações.

Quando o óculos está no rosto do cliente e a lente risca, podemos considerar que houve um acidente, mas riscos ocasionados por óculos fora do estojo é com certeza um mal uso que pode ser prevenido com informação.

Na imagem abaixo temos o termo de garantia de uma lente antirreflexo, onde podemos perceber um capítulo a parte mencionando não só o que a garantia não cobre mas também os cuidados que devem ser tomados na utilização, limpeza e armazenamento do óculos, preservando assim as lentes. Clique na imagem para ampliá-la, caso necessário.


 Como na nona parte desta série de matérias, quando falamos sobre antirreflexo danificado, quero aqui ressaltar a importância de se criar o hábito de orientar o cliente sobre utilização, limpeza e armazenamento dos óculos no momento da entrega dos mesmos. Desta forma, evitamos e muito as incidências de queixas sobre lentes riscadas.

Também na nona parte desta matéria fiz um resumo sobre os cuidados relacionados a limpeza dos óculos. Para acessar este conteúdo, CLIQUE AQUI.

No ato da venda, a anamnese é muito importante para entender as necessidades dos nossos clientes, não só por causa dos fatores visuais e estéticos, mas também quanto a resistência que o óculos deverá ter de acordo com as atividades do consumidor.

Vale a pena alertar os clientes cujos óculos podem se expor com mais facilidade aos riscos, pois atualmente exitem tecnologias protetoras acessíveis que podem ser aplicadas para uma maior resistência. Vale a pena também lembrar o cliente que lentes apenas com a tecnologia resistente a arranhões não possuem garantias contra esses riscos. Apenas as lentes antirreflexo mais avançadas oferecem garantias contra arranhões, salvo condições de mal uso. Essas garantias variam entre dois e três anos.

Ofereça sempre lentes antirreflexo que possuam garantia de resistência a arranhões, pois são as mais duráveis do mercado, portanto com performance superior da tecnologia protetora.

Se você tem alguma crítica, elogio, sugestão ou opinião a oferecer, por favor, envie um e mail para blogdopaulus@blogdopaulus.com

Você pode também curtir e compartilhar esta matéria com seus amigos através dos plugins das redes sociais localizados na parte inferior desta postagem.

Licença Creative Commons
Parte 10 - Solucionando Problemas na Venda e Adaptação de Óculos está licenciado sob uma licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

Sessão de Comentários

Atenção!
Comentários enviados por e mail ou redes sociais não serão respondidos!
Favor deixar sua dúvida ou pedido de contato com o autor apenas nesta sessão de comentários do blog.

recomendamos a leitura

Paulus Maciel se reserva no direito de usufruir da liberdade de expressão assegurada pela constituição federal:

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:

IX - é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação independentemente de censura ou licença